Weight Loss Center - Your Online Weight Loss Support Group
26
Nov 13
Publicado por Belita, às 11:55link do post | Comentar

Continuar a fazer dieta estando em casa está a tornar-se um pouco complicado. Quando estou em casa só me apetece comer doces... felizmente não tenho doces em casa.

Estou a perder pouco peso, a meu ver, o que me está a deixar um pouco desanimada.

Quando estava a trabalhar conseguia beber pelo menos um litro e meio de água, estando em casa, mesmo que faça chá, muito dificilmente bebo meio litro, quanto mais litro e meio.

Hoje de manhã pesei-me, e estou com 70.7kg, ou seja, perdi 800g desde a ultima pesagem.

Caramba, há pessoas a perder 5kg no primeiro mês e eu já vou com mais de mês e meio e ainda nem 5kg perdi.

Acho que estou a fazer tudo mal...

 

 

 


15
Nov 13
Publicado por Belita, às 11:37link do post | Comentar | Ver comentários (1)

Vim dar um "olá" às pessoas que têm acompanhado a minha luta.

Não estou com muito espírito para escrever, pelo menos por estes dias...

Como já devem ter presumido pelo titulo deste post "desemprego..." não vêm aí boas notícias. Fui despedida dispensada do meu trabalho. Na realidade vai tudo dar ao mesmo mas pronto, acharam mais bonito chamar-lhe dispensa!

 

A desculpa é de que tinham de reduzir pessoal, mas sinceramente foi uma facada nas costas da pessoa (meu coordenador) a quem eu tanto ajudei quando formamos esta equipa, há cerca de 2 anos e meio.

 

Apesar de tudo, acho que saí no timing certo porque o "barco" vai afundar já no final do mês e felizmente, eu não estou lá para ver.

O ambiente na minha equipa, apesar de pequena, estava a deteriorar-se desde que o meu colega que era o pilar do turno da manhã decidiu abandonar o "convés" e ir para outro barco, onde as condições, não só salariais, mas contratuais também, são melhores, numa empresa concorrente. Sorte a dele!

A partir daí as coisas foram piorando, e dois meses depois saiu outro colega que começou a ver que isto ia dar para o torto.

 

Eu já estava cansada há muito tempo, porque há 2 anos, desde que entrei na equipa, ouvia promessas de subida de ordenado e ao fim do mês os números eram sempre os mesmos. Com a saída do primeiro colega o nível de exigência aumentou, mas esqueceram-se de um pormenor muito importante que é dar formação às pessoas para que possam dar o seu melhor... Infelizmente há coisas que não se aprendem sozinhas... 

Começaram a "cascar" nas avaliações de toda a gente e começou a haver mau ambiente porque "aquele faz menos que eu e tem melhor avaliação" ou "aquele não faz nada e recebe mais". 

Eu continuei a  tentar dar o meu melhor, e sempre que exigiam mais de mim eu punha o trabalho à frente da família, mas mesmo assim parece que não foi suficiente. 

 

A única certeza que eu tenho neste momento é que de facto eu tenho um sexto sentido muito apurado.

Quando vi entrar a responsável dos Recursos Humanos na minha sala só disse para os meus colegas "já fui" e uns minutos depois fui chamada. Felizmente tenho direito ao desemprego, embora não me esteja a ver a deprimir em casa muito tempo, se não arranjar trabalho.

 

Foram 4 anos e 1 mês dedicados a uma empresa que nunca valorizou o meu trabalho, e verdade seja dita, o de ninguém, pelo menos o de quem, como eu, era subcontratado, com contrato temporário por cima de contrato temporário...

Para esta empresa o que interessa é 1 milhão+1 de clientes, não quem dá o litro para que isso seja possível... 

 

Fiquei triste, é claro, porque não estava à espera de me "descartarem" assim, depois de tudo o que dei de mim, mas depois logo percebi que isto era o melhor para mim.

O meu supervisor, com quem posso dizer que tenho alguma amizade, estava à minha espera lá fora, e confidenciou-me que tinha acabado de entregar a sua carta de demissão, e que ele próprio, não queria ficar ali para ver o barco a afundar. Tenho pena, de duas pessoas que lá ficam, porque mesmo ontem à noite recebi mensagem de uma delas a dizer que o meu ex-coordenador está insuportável, e o supervisor ainda nem saiu, e que não sabe se vai aguentar ali por muito mais tempo. Ao menos eu, tenho direito ao subsidio de desemprego. Se a minha colega não aguentar, vai demitir-se e sai de lá com uma mão à frente e outra atrás.

 

 

Esta semana está a ser bastante complicada no que toca à dieta. Quando fico nervosa dá-me para comer porcarias e agora estando em casa vai ser muito complicado. Ontem comi um míni chocolate, e já comi castanhas duas vezes à noite durante a semana...

Ontem de manhã pesei-me e estava com 72.2kg, ou sejá não houve progressos...

Como tenho contrato até ao fim do mês, não posso sequer entregar o papel do desemprego e procurar outra coisa. Só me apetece comer e dormir...

 

Amanhã vou ao concerto do Bruno Mars no Meo Arena. Já tenho o bilhete há 6 meses, mas nunca pensei que fosse estar nesta situação quando o comprei. Acho que vai fazer-me bem! 

 

Bom fim de semana!


09
Nov 13
Publicado por Belita, às 11:02link do post | Comentar

Hojé é o dia 34 da minha Dieta dos 31 dias. Véspera de mais um dia da asneira!

 

Fiz na passada quarta-feira, dia 06, 31 dias de dieta! Dieta esta, seguida quase à risca pelo livro da Drª Ágata Roquette. Digo quase porque havia no livro algumas receitas com alimentos que não gosto, e que substitui por outras receitas do livro que gostei.

 

Faço um balanço positivo destes 31 dias. Perdi nada mais nada menos que 3,4kg. Comecei a dieta com 75,6kg, e agora estou com 72,2kg.

Noto diferença principalmente na barriga. Já tenho de usar cinto com calças em que não usava. Noto também que não tenho tanto apetite como antigamente, principalmente nos lanches a meio da manhã e da tarde. Antes de iniciar a dieta, lanchava a meio da tarde no trabalho, por volta das 16h, e quando chegava a casa, por volta das 18h, lanchava outra vez. Agora não sinto essa necessidade. Quando chego a casa não tenho grande fome, até porque começo logo a fazer o jantar e o almoço do dia seguinte, mas se tiver com alguma fome, como 2 fatias de fiambre, mortadela ou queijo e a fome passa. 

 

Agora a dieta é para continuar. Já tenho uma noção do que devo e não devo comer, se bem que, de vez em quando vou fazendo uma asneirita no meu dia-a-dia, ora porque não resisto a umas castanhas assadas quando passo pela estação, ora porque lá no trabalho têm a mania de distribuir guloseimas e acabo por comer um rebuçado ou uma goma. Sei que não é um rebuçado ou uma goma que vai deitar tudo a perder, mas consigo controlar-me e não comer mais que uma unidade...

 

Este mês vamos aproveitar para repetir as receitas da 1ª e 2ª Fase que gostamos, com a sopa 3 vezes por semana e com fruta todos os dias.

Tenho feito alguns docinhos, porque como já havia dito anteriormente, enjoeie a gelatina, e então tenho feito bavaroise, light claro, papas de aveia ou farófias.

 

Espero até Março perder mais cerca de 4kg, mas vamos ver. O meu marido já anda a falar em começarmos a comer arroz ou massa ao almoço, para não comermos sempre tanta salada, mas vou tentar dar-lhe a volta, ou então, comer um desses hidratos só 2 vezes por semana, mas receio não perder peso por reintroduzir esses alimentos.

 

Amanhã, é dia da asneira e vou asneirar à grande! Os meus pais vêm até Lisboa fazer-me uma visita e vou ter de cozinhar algo que eles gostem, o meu pai principalmente, que é mais exigente em relação à alimentação. Vou fazer uma feijoada!

Eu sei, eu sei, é mega calórica, mas não vou comer as gorduras. Na verdade nunca como, porque não gosto.

 

Bom fim de semana! {#emotions_dlg.smile}


20
Out 13
Publicado por Belita, às 11:50link do post | Comentar | Ver comentários (4)

Hoje é o dia 14 da minha dieta! {#emotions_dlg.sarcastic}

É também o dia da asneira e, como tal, pesei-me logo de manhã, uma vez que amanhã começa a 2ª Fase da dieta; aquela em que posso reintroduzir as sopas e a fruta na minha alimentação, e também porque seria a altura em que, caso estivesse a ser acompanhada pela Drª Ágata Roquette pessoalmente, iria à segunda consulta amanhã, para fazer a pesagem e tirar medidas, basicamente, para ver quais os resultados destes 15 dias.

Como hoje vou cometer alguns deslizes, achei por bem tratar  da pesagem e das medidas já hoje. Não é que vá deitar por água a baixo tudo aquilo que já conquistei, mas ...

A pesagem foi feita de manhã, ao acordar. Não foi "depois de ir à casa de banho", como diz a Drª Ágata Roquette, se é que me entendem. Foi só depois de esvaziar a bexiga, mas mesmo assim fiquei bastante contente. Já lá vamos mais à frente.

 

Foram 14 dias passados com entusismo, força de vontade, foco no objetivo e também com enjoo de alguns alimentos, a partir da segunda semana.

Mas foram, acima de tudo, 14 dias de aprendizagem.

Posso afirmar que, depois destes 14 dias, e depois de ter lido o primeiro livro - A dieta dos 31 Dias - mais de 3 vezes, e ter terminado ontem de ler o 2º livro - As Regras de Ouro - estou mais ciente de que desta vez vou fazer tudo bem, para que, após alcançar o meu objetivo, possa, com conta peso e medida, comer de tudo um pouco, mantendo o peso e um estilo de vida saudável .


Vamos ao que interessa! O peso perdido. Perdi nada mais nada menos que 2kg certinhos! {#emotions_dlg.happy}

Estou com 73,6kg. Não podia estar mais contente! Pensei que o facto de estar a tomar corticóides fosse deitar por água a baixo a dieta mas, pelos visto, pensei errado!

 

Confesso que me fui pesando durante a semana, e que estava em pulgas para chegar ao dia de hoje para confirmar que aquilo que aparecia na balança na quinta feira se ia manter até hoje, até porque comi alguns docinhos. Mas atenção, foram docinhos autorizados. Receitas que tirei do blog que tem o aprovação da Drª Ágata Roquette.

Se não conhecem, aconselho-vos a dar uma espreita: http://asdeliciasdasguerreiras.blogspot.pt/

Fiz Farófias, que não comia à pelo menos uns 7 anos, e uma Cheesecake. Não podia ter feito só uma coisa!? Podia, mas como comecei a fazer a Cheesecake na sexta e tinha de deixar solidificar a gelatina, só a pude terminar ontem de manhã, e como depois tinha de deixar solidificar também o queijo, optei por fazer as Farófias para satisfazer logo de imediato aquela vontade maluca com que eu estava de comer um docinho.

 

Ontem quando terminei de ler o livro d'As Regras de Ouro percebi tudo!!! Estava com uma vontade voraz de comer qualquer coisa doce e a culpa é da menstruação! Malvada!!!

Explica a Drª Ágata Roquette numa das últimas regras do livro, se não a última, que nos dias que antecedem a menstruação, normalmente apelidados de TPM (Tensão Pré-Menstrual) ou SPM (Síndrome Pré-Menstrual), à uma alteração hormonal que para além de dar uma vontade voraz de comer "porcarias", faz com que as mulheres fiquem mais sensíveis, algumas com mais irritabilidade e impacientes. Como pelos vistos eu atrai-o tudo o que é bom, ironicamente falando, eu sofro disto tudo. O meu marido farta-se de gozar comigo quando estou nesta fase, porque sem mais nem menos começo a chorar e a ele dá-lhe para rir da minha cara. Enfim... {#emotions_dlg.angry}

 

Contrariamente ao que pensei inicialmente, o meu marido está a portar-se muito bem como companheiro de dieta; e também já perdeu 2kg! Estamos em sintonia!

Nunca pensei ouvir da boca dele que está a gostar destes pratos e que mesmo depois de eu atingir o meu objetivo temos de manter este tipo de alimentação. Acho que ele não está farto da dieta porque eu não o proíbo de comer que nem um bisonte.

O meu marido é uma pessoa que come bem, é capaz de comer o dobro ou o triplo daquilo que eu como. Na verdade nunca o proibi de comer, mas quando não estávamos a fazer dieta, fazia-me impressão vê-lo comer tanto e dizia-lhe que "já devia chegar...". Felizmente ele não tem facilidade em engordar como eu, se não, não sei quantos quilos teria.

 

Já aquele casal que são meus colegas de trabalho desiludiram-me completamente; não têm a mínima força de vontade e eu já desisti de lhes dar na cabeça e tentar incentivá-los.

São casados à menos de um anos e são ambos obesos. Ela deve ter cerca de 110kg, por aí, e ele uns 130kg. Com ele convivo diariamente, porque somos do mesmo departamento, com ela é que não porque trabalhamos em departamentos diferentes e em sedes diferentes, mas na quinta-feira estivemos a trabalhar em conjunto, lado-a-lado.

Cerca de um ano antes de casarem, ele queria emagrecer pelo menos 25kg para o casamento, para o qual fui convidada e tive o prazer de estar presente. 

 

Já o conheço à cerca de 3 anos, embora só trabalhemos diretamente à cerca de ano e meio, mas conheço-o suficientemente bem para perceber que o grande problema dele é a gula. 

Tinha um objetivo mais que suficiente para se focar na perda de peso, mas deixou-se levar pelo desejo insaciável, além do necessário, por comida.

Entrou para um ginásio, e começou a tomar um suplemento vitamínico para lhe dar "power" no ginásio, e conseguiu emagrecer 13kg, segundo ele. O problema é que saía do ginásio e ia comprar caixas de gomas daquelas de 1kg que trazia para o trabalho como desculpa de "é para todos" mas depois deixava a caixa aberto na gaveta e ia tirando quando pensava que ninguém estava a ver.  Depois ia lanchar ao café e comia uma sopa +1 hamburger + 1 água + uma salada de frutas, isto quando não era uma sopa + 1 torrada carregada de manteiga cheia de sal + 1 chá + 2 chamuças ou 2 rissóis.

Quando casou estava exatamente como antes de entrar para o ginásio. Sinceramente, no caso dele, acho que o melhor seria uma banda gástrica e um bom acompanhamento médico. Conheço um caso semelhante e de grande sucesso graças à banda gástrica.

 

No caso dela, não tenho opinião para aquilo que não vejo, mas tenho para aquilo que vi na quinta-feira. Quando chegou ao pé de mim já eu tinha bebido 1 litro de chá, e já ia com 3 idas à casa de banho, e ainda eram só 9h, mas disse-me logo "ah, não trouxe garrafa para não vir carregada", ao que respondi, "há ali copos, podes ir ao bebedouro", respondendo-me " não é a mesma coisa". Acabou por me confessar que já tinham cometidos alguns deslizes durante a semana, que comeram massa ao jantar! Fiz um sorriso amarelo forçado, com vontade de lhe arrancar os cabelos e disse "ah, deixa lá, uma vez não são vezes. Agora têm de se portar bem até pelo menos ao dia da asneira!". Porra pah, massa!? Ao jantar!? Oh God...

Quando chegou a hora de almoço disseram que não tinham trazido almoço, e que tinham de ir lá fora comer. Pensei eu, na minha inicência, que iriam comer a um restaurante, para comerem um grelhadozinho e assim não estaria tudo perdido. Quando acabei de almoçar fui ao café/pastelaria beber um café com uma colega e lá estavam eles os dois a comer "porcaria". Fiquei incrédula, e ela, se pudesse, ter-se-ia enfiando num buraco quando me viu. Estava a comer uma espécie de Wrap típico daquela pastelaria/café - é feito com uma massa semelhante à da base da pizza, leva alface, cenoura, milho, o receio pretendido "pasta de atum, delicias do mar, bacalhau, frango ou carne de vaca" e está carregado de maionese. Ele estava a comer um hamburger. Sentei-me na mesa deles e ela disse-me "olha vês, estava cheia de vontade!". Preferi não responder, mas fi-la perceber pela minha expressão que "vocês é que sabem!".

 

Para mudar é preciso querer mudar, e sinto que eles gostariam de perder peso mas não se querem dar ao trabalho de fazer algo por isso. Eu quero emagrecer, porque não me sinto bem comigo mesma assim, e estou a lutar por isso, e o facto de ver que já perdi 2kg deixa-me muito orgulhosa de mim mesma e dá-me força para continuar.

Quero sentir o prazer de entrar numa sapataria e conseguir encontrar uma botas de cano que me sirvam, coisa que é raro encontrar neste momento. Quero poder entrar em qualquer loja e encontrar calças e camisolas que me assentem bem sem parecer uma saca de batatas, quero até poder ir à praia sem me sentir observada, e até ir ao MacDonalds sem que olhem para mim e pensem "lá está a gorda a enfardar".

 

Acima de tudo, quero sentir-me bem comigo mesma, e gostar de me ver ao espelho, sentir-me orgulhosa de mim!

 

Hoje é o dia da asneira, e vou aproveitá-lo ao máximo, como diz a Drª. O almoço vai ser saudável, vai ser pizza de Courgette, receita do livro As Regras de Ouro, as únicas asneiras que vou cometer vai ser comer 3 dióspiros que uma colega me ofereceu na quinta-feira porque sabe que a seguir aos figos é a fruta que mais gostos, e vou ver se encontro alguém a vender castanhas assadas, ando à cerca de 1 mês a pensar nelas!

 

Desejo o resto de um bom fim-de-semana para todos aqueles que têm vindo testemunhar a minha luta apesar de não deixarem comentários!

Beijinhos (light)!{#emotions_dlg.smile}


15
Out 13
Publicado por Belita, às 09:21link do post | Comentar

Completei ontem a primeira semana da dieta. {#emotions_dlg.default}

 

Hoje de manhã não resisti à curiosidade e pesei-me. Nada mau: 74,4kg. Ou seja, 1,2kg a menos. Quando iniciei a dieta estava com 75,6kg.

Fiquei contente, mas não vale a pena ficar já toda "confiançuda" quando ainda faltam 3 semanas até completar os 31 dias da dieta.

A verdade é que de facto já vejo alguns resultados, principalmente na barriga e isso deixa-me bastante contente.

 

O único problema nesta dieta sou mesmo eu, que enjoo tudo o que é alimentos e já estou a começar a enjoar algumas coisas; os triângulos de queijo, o ovo cozido, as saladas e a gelatina de morango.

Felizmente na próxima semana posso voltar a comer fruta, e certamente vai dar para diversificar pelo menos os lanches a meio da manhã e da tarde.

Embora ultimamente já estivesse farta de tudo o que era bolachas, já estou com saudades de comê-las. E cereais ao pequeno almoço também; já estou cansada de comer pão todos os dias de manhã. O problema é que eu não comia cereais de adulto, comia Chocapic ou Nesquik. {#emotions_dlg.emplastro}

Mas vá, se voltar a comer cereais como daqueles Especial K com frutos vermelhos ou assim, mas só lá mais para a frente.

 

No Domingo foi dia da asneira e cometi uma pequena loucura no lanche da manhã. {#emotions_dlg.annoyed}

Se eu não tivesse a trabalhar aos domingos este mês, isto não tinha acontecido. O problema é que mesmo ao pé da minha sala está uma máquina daquelas com snacks. Desde que tinha acordado que estava com vontade de comer um mil folhas, mas como não me apetecia ir sozinha ao café e ainda arriscava não haver mil folhas porque ao domingo a pastelaria onde costumo ir tem menos bolos, fui ver à máquina o que havia. Estava na dúvida entre uma waffle e um salame, mas como a máquina não estava a dar troco optei pelo salame que era à conta. Devia ter optado por comer coisíssima nenhuma. A meio do salame já estava enjoada...

Uma vez que no dia da asneira não há receitas no livro, aproveitei para almoçar Empadão Mexicano, e jantar Wrap de Alface que tinha adorado.

Não devia ter comido o salame, mas pronto, não vale a pena chorar sobre o leite derramado, até porque o fiz no dia que podia fazer.

 

Agora só tenho de continuar a portar-me bem para perder mais que 1,2kg!{#emotions_dlg.happy}


01
Out 13
Publicado por Belita, às 09:47link do post | Comentar

Voltei a desaparecer mas já cá estou novamente.

A verdade é que ando sempre tão ocupada que tenho pouquissimo tempo para ligar o computador em casa e fazer posts.

Desta vez acho que vai ser um pouco diferente. Vou enfrentar um novo desafio; o da perda de peso! 

 

Vou tentar ser mais assidua no que toca a posts de resenhas de produtos e informações da minha dieta.

Como nunca tive grandes comentários ao meus posts acabo por perder a vontade de vir postar, mas vou tentar dar a volta por cima. 

 

Até breve!

 


20
Out 12
Publicado por Belita, às 22:40link do post | Comentar

Fartamo-nos de gastar dinheiro em produtos para os cabelos mas raramente vimos o resultado prometido…

Lavamo-los frequentemente, mas será que estamos a fazê-lo correctamente? O condicionador e a máscara, como estamos a aplicá-los!?

Talvez o problema esteja mesmo em como damos uso a estes produtos!

Lavar os cabelos de forma incorrecta é deitar por água a baixo o investimento em produtos e tratamentos.

 

Antes de mais, sabemos como é composta a fibra capilar? E o que fazem o shampoo, o condicionador e a máscara?

Ora vejamos!

 

A fibra capilar: é constituída por 3 camadas: cutícula, córtex e medula.

 

estrutura capilar

- A cutícula é a camada mais externa do cabelo, aparentemente lisa, todavia, vista com o auxilio de um microscópio apresenta uma composição semelhante a escamas de peixe.  É responsável por regular a entrada e saída de água da fibra capilar.

- O córtex é o “coração” do cabelo.É responsável pela força e elasticidade do fio.

- A medula é a parte nuclear do fio, nela encontramos as células gordurosas.

 

O shampoo: tem como principal função a limpeza dos cabelos. Existem vários tipos de shampoo, mas a sua função principal é comum em todos os tipos. (Mais tarde farei um post sobre os diversos tipos).

O condicionador: além de fechar as cutículas dos fios, abertas pelo shampoo, desembaraça os cabelos e repõe a camada lipídica, também ela removida pelo shampoo.

A máscara: é o must have dos cabelos. Para além de consertar os estragos ainda lhes  dá brilho e ressuscita-os. Também fecha as cutículas dos fios. (Mais tarde farei também, um post sobre os diversos tipos, uma vez que existem vários).

 

Antes de pôr-mos as mãos “na massa”:

- É fundamental percebermos as necessidades dos nossos cabelos e quais os produtos adequados. Se tem dúvidas ou dificuldades em interpretar os seus fios, o melhor é mesmo aproveitar uma ida ao cabeleireiro para tirar essas dúvidas com um especialista;

- Aconselho a pentear os seus cabelos com um pente de dentes largos antes de molhá-los, começando pelas pontas, de forma a desembaraçá-los;

- Saiba que nunca deve utilizar água quente para molhar/enxaguar os cabelos, a não ser que esteja nas indicações de utilização do produto (por exemplo o Shampoo Bain Nutri Thermique da Kérastase – o poder nutritivo dos ingredientes que o compõem é ativado sob o efeito de calor da água). Prefira água morda a balançar para fria.

 

Como utilizar o shampoo?

- Aplique o shampoo (o equivalente a uma moeda de €0.20 para cabelos curtos a médios, €0.50 para cabelos compridos) na palma da mão; nunca diretamente no cabelo, nem diluído em água. Espalhe nas palmas das mãos e aplique-o de seguida nas raízes dos cabelos, utilizando as pontas dos dedos para distribuir o produto, nunca, mas nunca mesmo, utilize as unhas!

- No comprimento e pontas, deslize as mãos unidas pelas mechas, de cima para baixo, para espalhar o produto. Atenção às pontas! Temos de ter em conta que por muitos produtos que se utilizem, as pontas vão desgastando e ficando mais frágeis.

- Nada de fazer emaranhados de cabelo no cimo da cabeça; a não ser que queira deixar as suas pontas mais fragilizadas!

- O ideal é lavar a cabeça duas vezes para garantir a remoção dos resíduos (da poluição e dos dos produtos de styling, se os utilizar), a não ser que tenha por hábito lavar o cabelo todos os dias, dessa forma, basta lavá-los uma vez, mas atente nos produtos para uso diário de forma a evitar a remoção da hidratação natural dos cabelos devido à ação “detergente” dos produtos.

- Para enxaguar deixe escorrer a água da raiz para as pontas, sem esfregar. Colocando a mão por baixo dos cabelos e balançando ajuda a água a penetrar mais facilmente por entre os cabelos e por conseguinte tira a espuma mais facilmente.

 

Como utilizar o condicionador ou a máscara?

- Antes de colocar o produto deve escorrer a água em excesso dos cabelos. Pode até utilizar uma toalha, mas nada de esfregar;

- Coloque o produto nas mãos e depois então nos cabelos (comprimento e pontas), evitando a raíz, com movimentos de cima para baixo, como se estivesse a alisar os fios. Deve faze-lo mecha a mecha, para uma melhor distribuição do produto por todos os fios;

- Aguarde a ação do produto; para o condicionador 2 a 3 minutos, para a máscara, siga as instruções dadas no produto, que normalmente ronda os 15-20 minutos (algumas indicam 3-5 minutos), utilizando toca de plástico.

- Antes de enxaguar abundantemente com água, aproveite para desembaraçar os fios com os dedos ou um pente de dentes largos.

 

Agora conte-me; é assim que trata dos seus cabelos? 


Publicado por Belita, às 20:19link do post | Comentar | Ver comentários (1)

Olá blogosfera.

 

Há muito tempo que ponderava criar um blog onde pudesse partilhar vivências e experiências, mas como já sabia que à partida ia despender de algum tempo para colocar o blog ao meu jeito, decidi aguardar até estar de férias para fazê-lo. Pois bem, e cá está ele!

 

Pretendo abordar variados temas neste blog: moda, beleza, destinos turísticos, culinária, decoração, humor, música, desabafos, dicas e opiniões.

Tudo isto e mais alguma coisa; porque a vida de uma mulher é mesmo muito preenchida!

 

Falando de mim: chamo-me Isabel, tenho 23 anos, vivo em Lisboa mas sou alentejana, sou casada e não tenho filhos, por enquanto.

Considero-me uma mulher moderna e atualizada  no que toca ao mundo da moda e cosméticos, todavia, prefiro manter-me na sombra da simplicidade; não gosto de chamar a atenção e parecer “espampanante”!

Não nasci num berço de outro, e como dona de casa, tenho outras obrigações e responsabilidades, tento manter um arzinho sofisticado e aprumado sem gastar uma pipa de massa, visto que os tempos que correm não são nada risonhos no que toca a finanças!

Vou aproveitar para partilhar convosco experiência com produtos cosméticos. Antes de comprar procuro sempre na Internet por opiniões de quem já tenha usado e partilhado informação; assim já não vou  comprar “às escuras”. Muitas vezes acabo por comprar produtos acerca dos quais ainda não vi/ouvi falar, porque não reagimos todos da mesma forma a determinado produto, mas tenho sempre em conta a quantidade de produto e o preço. Não gosto de deitar dinheiro fora!

 

O primeiro post “à séria” vai ser publicado já hoje, mais daqui a pouco e será sobre os nossos cabelos e como os lavamos.

Sim, eu sei, lavamos os nossos cabelos milhentas vezes, mas será que estamos a fazê-lo correctamente!?

Já estão certamente a pensar “olha-me esta agora vem ensinar-me a lavar o cabelo ahahaha”.

Venho partilhar convosco este tema porque eu própria pensava que os lavava correctamente até ao dia em que cheguei cedo de mais ao cabeleireiro e tive de estar 1h à espera. Vi as profissionais lavar os cabelos a outras clientes e apercebi-me que eu não fazia bem assim. Quando chegou a minha vez, questionei e apercebi-me que lavava os cabelos incorrectamente desde que havia começado a não depender da mamã!

 

Espero pela sua visita aqui no blog regularmente!


Mais sobre mim
Novembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
16

18
19
20
22
23

24
25
27
28
29


Arquivos
Pesquisar blog
 
blogs SAPO